Pittsburgh: Um teste para criar o Estado Policial

Pittsburgh: Um teste para criar o Estado Policial

Pittsburgh: Um teste para criar o Estado Policial

Kurt Nimmo

Infowars
October 14, 2009

A  ação da polícia no G-20 em Pittsburgh foi um teste. “Nós gastamos meses preparando-se para isso e foi muita preparação, mas nós iremos ver os dividendos do que será por muito tempo porvir”, disse o diretor de Segurança Pública Michael Huss para o Jornal Pittsburgh Tribune-Review.

Ou seja, em outras palavras, Pittsburgh não vai descansar agora que o G-20 partiu. O “dividendo” é a permanência de um estado policial militarizado.

Todo o treinamento de segurança nacional não foi por nada. O Chefe de Polícia Adjunto Paul Donaldson disse que o treinamento envolveu 716 homens do total de 872 da força policial toda, bem como 254 oficiais do Condado de Allegheny, O gabinete do Xerife do Condado, Port Authority Transit e a Universidade de  Pittsburgh.  Os policiais receberam equipamento de motim e a última tecnologia contra a Primeira Emenda Constitucional, incluindo o infame LRAD (Long Range Acoustic Device). “um orçamento federal de $200,000 permitiu a polícia comprar 4 LRADs, os quais foram usados para dispersar os manifestantes,” reportou os jornais.

Durante o G-20, haviam  6,000 policiais pesadamente armados nas ruas em resposta a 5.000 pessoas, e a vasta maioria desses, pacíficos.

Pittsburgh é o quadro nascituro para o estado policial. Em 2007, os policiais conduziram um caminhão de 20 toneladas, blindado com uma armadura resistente a explosão, armado com teto rotativo e saídas para armamento pesado em resposta ao crime e violência nas ruas. O veículo blindado de 250.000 dólares foi pago com dinheiro do Depto de Segurança Nacional.

“Com dezenas de agências policiais pequenas e grandes, desde Lexington, Ky., até Austin, Texas, comprando veículos blindados as custas do Depto de Segurança Nacional, alguns experts em justiça criminal avisam que seu uso no combate aos crimes rotineiros poderá trazer mais dano do que benefício e depois de 11 de setembro,  o militarismo deixou de ter uma aproximação cooperativa com a comunidade como era promovido desde os anos 90,” escreveu Ramit Plushnick-Masti. “Agências de fiscalização da lei disseram que o crescimento do uso de veículos, uma prática que também tem seus defensores no campo acadêmico da justiça criminal, ajuda a assegurar que a polícia tenha as ferramentas que precisam para lidar com situações com reféns, armamento pesado e atos de terrorismo.”

Em Pittsburgh durante o  G-20, não havia terroristas — a menos que você considere os cidadãos opostos ao globalismo e ao governo mundial dos banqueiros, os terroristas. Nenhum refém foi feito, nenhuma gangue de traficantes atirou contra a polícia.

Tudo em volta da repressão policial está esperando os federais providenciarem equipamento pesado de alta tecnologia. San Francisco quer $125,000 para um veículo blindado e $200,000 para um veículo de comando de mobilidade. Sparks, Nevada quer $600,000 para comprar um stand de tiros onde a SWAT pode treinar e outros $420,000 para um veículo blindado para  a SWAT. Gary, Indiana quer  $750,000 para modernizar seu departamento de polícia, incluindo metralhadoras automáticas e veículos blindados. Ottawa, Illinois (população de  18,307) quer $60,000 para comprar entre outras coisas, 5 rifles táticos de assalto.”

“Porque nossa polícia de ação civil está nessa corrida armamentista, e contra quem eles estão se armando? Por nossa causa, claro. O que antigamente era composto de 6 a 10 homens em uma equipe da SWAT, agora são um pelotão de 25 se não mais. A polícia local está armada até os dentes e remontou as unidades da SS nazista, isso é um modo de contornar o Posse Comitatus na Lei Marcial vindoura” escreve  Open Dialogue Government. “Eles não estão rondando os imigrantes ilegais ou gangs de criminosos das ruas, eles estão aqui para nós.”

E ainda em relação ao dinheiro do depto de Segurança Nacional, as cidades querem usar os fundos de estímulo para acelerar a condição de criar o estado de alta vigilância high tech. As cidades que requisitaram os fundos suplementares para iniciarem com cameras de vigilância nas ruas são:: Brockton, Massachusetts; Buffalo, New York; Burnsville, Minnesota; Caguas, Puerto Rico; Cerritos, California; Columbia, South Carolina; Compton, California; Homestead, Florida; Hormigueros, Puerto Rico; Indianapolis, Indiana; Inglewood, California; Lewiston, Maine; Lorain, Ohio; Lynn, Massachusetts; Marion, Ohio; Merced, California; New Rochelle, New York; North Richland Hills, Texas; Oakland, California; Orange, New Jersey; Orem, Utah; Orlando, Florida; Pembroke Pines, Florida; Ponce, Puerto Rico; Riverdale, Illinois; Shreveport, Louisiana; Silver City, New Mexico; Sumter, South Carolina; Tallahassee, Florida; Warren, Ohio; and Wilkes-Barre, Pennsylvania. (veja o artigo: Qualquer imposto que você pague voltará contra você  Any Taxes You Pay Can and Will Be Used Against You.)

E você pensou que o dinheiro de estímulo era para a economia e criar empregos.

A militarização da segurança pública doméstica está agora em conjunto com o rápido desenvolvimento militar por si mesmo e desenvolvimento de armas “não letais”, o que inevitavelmente será compartilhado com a polícia urbana para controle de massas. Tal como ocorre com o surrupio de dados, o sistema de satélite espião do Depto de Segurança nacional, o cobertor de cameras CCTV das cidades americanas, infiltração de agentes do FBI provocadores de motins, “missões” do Pentágono disfarçadas de relações civis, são sinais que medidas fortes para atenuar a crise pode ser iminentes,” Tom Burghardt wrote in October, 2008.

Acrescente a receita a implantação do combate das tropas nos EUA e numerosos “exercícios” para preparo de emergências e nós finalmente teremos o toque final para um estado policial pronto para ser desencadeado formando o estágio apropriado de ataque terrorista ou mais apropriadamente durante a vindoura agitação popular em resposta a confusão da economia.

A segurança nacional é oficialmente definida pelo Depto de Estratégia Naciona para Segurança Doméstica como “um esforço orquestrado para prevenir ataques terroristas dentro dos EUA, reduzir a vulnerabilidade dos EUA ao terrorismo e minimizar o dano e recuperar de ataques que ocorram,” isso é o que semeia tal missão.

De fato, Segurança nacional nunca foi sobre Al Qaeda ou ataques terroristas externos. Desde seu início foi a respeito do povo americano, especificamente daqueles americanos destacados no relatório do depto de segurança nacional em extremismo da asa direita – defensores da segunda emenda constitucional e aqueles que estão pedindo um retorno a república constitucional e uma drástica redução do governo federal.

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.